quarta-feira, 15 de agosto de 2012

A igreja

Ajoelhe-se sob o estupro da razão
o passo dado rudemente
Essa serra porém não se encerra
do cinza faço minha crucificação
mas nada dito
amor é sangue que escorre dos iludidos
se espera do céu
falta a si mesmo
Alguns poréns a mais

Nenhum comentário:

Postar um comentário