domingo, 25 de maio de 2014

Boêmia cinza

Eu olho meus bolsos
e há notas
O copo estala na mesa no batuque
eu gosto do som frenético da mágoa
Meu refrão e silenciar o dizer

Nenhum comentário:

Postar um comentário