terça-feira, 15 de outubro de 2013

Teor

Se eu pulasse da ponte
dos teus pensamentos para a realidade?
no que antes fosse nossa loucura?
eu caminho entre o cinza
e se pudesse me ver agora
com o orgulho de pé
não são essas suas lágrimas
das quais eu nunca irei me afogar
ninguém pode negar que eu tenha tentado
até mesmo tomar sol pelas manhãs

Nenhum comentário:

Postar um comentário