segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Sem título

Um jeito certo de viver separado
um nó na garganta?
fique com um talvez
um por acaso se houver
não nego o vazio
enxergo menos do que devo
se conseguir prender o ar nos
pulmões
não o faça
estilhaçado
e a bomba não explode?
a última que nos resta
melhor colocar no cu da criação

Escrito aos meus 15 anos quando
meus ossos não eram tão pesados

Nenhum comentário:

Postar um comentário